Setor de moda de pernambuco descobre o TV Live Shop | TVSHOPSHOW.com 100% Internet

Marcas do mercado do vestuário, antes desconhecidas, conquistam cada vez mais espaço no universo de setores que hoje despontam nessa nova modalidade de vendas   Shoptour, TV Shopshow entre outros era uma verdadeira febre  nos anos 80 e 90, mesmo quando...

tv, online, vestuário, moda, tvlive, shop, tvshopshow, com

Setor de moda de pernambuco descobre o TV Live Shop

Publicado por: Redação
23/09/2021 07:37 PM
O apresentador Mike Nelson e o empresário Horácio lima, dono da Baby Lion
O apresentador Mike Nelson e o empresário Horácio lima, dono da Baby Lion

Marcas do mercado do vestuário, antes desconhecidas, conquistam cada vez mais espaço no universo de setores que hoje despontam nessa nova modalidade de vendas

 

Shoptour, TV Shopshow entre outros era uma verdadeira febre  nos anos 80 e 90, mesmo quando a internet sequer se pensava existir. O Shoptour criado e fundado em 1987 por Luiz Antonio Cury Galebe, precursor no Brasil do formato de programas de vendas na televisão. O Shop Tour iniciou-se como um programa de televisão que ocupava as madrugadas da Rede Record, apresentado pelo próprio fundador Galebe. A partir da década de 1990, o programa passa por várias emissoras de televisão, como a Rede Bandeirantes, CNT Gazeta, Canal 21, Rede Mulher e Rede Manchete, até passar a ser exibido pela TV CBI (atualmente Mega TV, no mesmo formato do Shop Tour) em 1995 e passando a ter 22 horas de programação própria em dezembro de 1997. No início dos anos 2000, Galebe comprou uma emissora de TV e conquistou um canal próprio em UHF na Grande São Paulo.[ Wikipedia]

 

Dois anos mais tarde, outubro de 1989, em Salvador, em outra emissora TV Band Ba, o TVShopshow era apresentado por Mike Nelson as 6 e meia da manhã, depois TV Itapuã e por fim na TV Aratu/CNT em  quando então Nelson deixou em definitivo a TV aberta, para ressurgir em 2000 e migrar de mala e cuia para a  internet em plataforma própria, sempre com o mesmo nome TVSHOPSHOW. Ambos os apresentadores, ressalvadas as devidas proporções, arrastavam verdadeiras multidões para as lojas onde gravavam suas ofertas e promoções.

 

Pois bem, com as mudanças dos tempos e a chegada da internet o segmento moda ganhou espaço e de longe mais abrangência. Com o recurso da internet, o formato foi desbravando novas fronteiras, levando a experiência de compra da loja física para o mundo virtual. Nelson, buscou novos mercados e em 2009 no agreste de Pernambuco, Caruaru e Região criou  a TV Caruaru e na grade adotou o quadro  TV Live Shop como uma nova opção de canal de vendas da moda pernambucana produzida na região. O quadro era gravado diretamente nas feiras regionais. E o assunto ganhou a atenção dos consumidores.



Um levantamento feito pela TV Shop show, empresa que difundiu o TV Live Shop para na América Latina, mostrou que 90% das marcas que realizaram ações de vendas por meio do vídeo no último ano são ligadas à moda. As demais 10% estão diluídas entre comida, móveis, imóveis, bebida, acessórios e beleza. Além disso, os dados da pesquisa mostram que a maioria daqueles que realizaram ações por meio da plataforma da TVSHOPSHOW.com pretendem contínuar no formato "TV Live Shop".



Segundo o CEO da empresa, Mike Nelson, o TV Live Shop trouxe muitos benefícios para o setor de moda na regiãp. Uma delas é uma conversão maior de vendas em relação ao e-commerce. "Um vídeo de produtos de moda registra uma conversão de vendas entre 30% e 55%, enquanto o e-commerce tradicional chega próximo de 2%".



Um dos grandes pontos altos dos vídeos de moda, de acordo com Nelson, é, além da presença dos próprios fabricantes nos vídeos, vários modelos de diversos biotipos experimentam os itens para que o consumidor que está do outro lado da tela tenha a real dimensão de como a peça fica em seu corpo. "A pessoa que está assistindo tangibiliza a experiência dela no outro e faz a compra", ressalta o CEO da TV Live Shop .



No portfólio de vídeos para o mercado de moda do TVShopshow existem vários cases bem-sucedidos de marcas como Digangs, Tutti Moda, Baby Lion e outros. E, de acordo com Mike, há várias marcas do setor que estão com vídeos programados na plataforma da empresa. Tanto na plataforma própria da TV Live Shop, como nos canais em domínios próprio das marcas com a nova tecnologia TV Live Shop .


Como exemplo de sucesso, Mike lembra uma playlist de vídeos feitas para a marca Digangs. "Normalmente, quando as pessoas precisam comprar uma roupa, elas vão a uma loja por conta da necessidade de experimentar as peças e ver como elas ficam no corpo. O vídeo feito para o fabricante mostrou que a fórmula de apostar em modelos para mostrar como é o caimento dos produtos em diversos tipos de corpos deu muito certo. O índice de conversão de vendas foi altíssimo e o engajamento no chat (WhatsApp) também", conta o experiente apresentador e CEO da rede móvel de televisão, que incluí a TV Shop Show.



Maior acesso ao público

"Uma das maiores vantagens da TV Live Shop , de acordo Dilma Leal, da Tutti Moda, é seu potencial gigantesco de alcance de público. Meus vídeos são replicados em todas as emissoras da rede no Brasil e Exterior "Enquanto uma loja física recebe cinco ou dez clientes por vez, experiencia própria, em um vídeo é possível ter centenas de pessoas assistindo, compartilhando e  comentando. Nossa experiência superou todas as expectativas", afirmou.



Jackson Bezerra, cliente desde 2010, proprietário da Di Gangs, destaca a importância da interação direta e quase em tempo real com o consumidor durante a exibição dos vídeos: "Isso permite que a apresentação do produto seja ainda mais completa, mostrando diferentes ângulos, combinações com a mesma blusa ou vestido e é muito mais efetiva do que uma compra realizada pelo e-commerce. Nos vídeos, o apresentador de forma muito empática responde na hora e enquanto mostra o produto, modelos, cores, medidas permitindo que não apenas a pessoa que teve a dúvida tenha acesso às informações, mas todas as que estiverem assistindo também. Isso aproxima a marca do consumidor", explica Jackson .



Com o varejo de moda reduzindo o número de pontos físicos, o TV Live Shop ganha mais espaço, na visão do CEO da plataforma. "O TV Live Shop é um shopping digital, que não demanda espaços físicos específicos para realizar gravações. Muitas marcas já estão entendendo esse movimento e apostando cada vez mais nesse formato de venda", analisa.



Além disso, o TV Live Shop permite que a empresa faça não somente um reforço de marca, mas também realize vendas ao mesmo tempo, além do contato mais próximo com o cliente virtual.



Lá fora

Enquanto no Brasil o TV Live Shop abre espaço com grande potencial de vendas para setores como moda, lá fora essa prática comercial está disseminada.



Sobre a TV Shop Show


Criada em outubro de 1989, a produtora desenvolveu um software próprio para fazer televisão para internet.Transformou-se em uma plataforma digital que promove diversos produtos através de sua grade, entre elas o TV Live Shop unindo vendas, interação e entretenimento online e em tempo real com o consumidor.

A empresa é pioneira na América Latina e, com seus mais de 30 anos de operação, já possui uma lista de grandes anunciantes da região. 
.

 

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Comentários