Ninfoplastia: tudo sobre a cirurgia plástica dos pequenos lábios

Publicado por: Redação
01/01/2022 11:02 AM
Exibições: 141
Cortesia Editorial Pexels/iStock
Cortesia Editorial Pexels/iStock

*Por Rodrigo Ferrarese

Ninfoplastia, ou plástica dos pequenos lábios, é uma cirurgia realizada em pacientes que não estão felizes com a aparência de seus pequenos lábios, seja pelo tamanho excessivo (hipertrofia) ou por uma assimetria (quando um pequeno lábio é diferente do outro).

 

Há ainda casos nos quais a paciente relata dor durante a penetração. Isso acontece devido à invaginação dos pequenos lábios com a entrada do pênis, podendo acontecer também quando utilizam alguma roupa mais justa ou apertada.

 

Existe um tamanho “padrão” para os pequenos lábios?

A literatura médica não estabeleceu um “padrão” estético para essa parte do corpo. Sua forma e tamanho são preferências inteiramente pessoais e isso deve ser considerado para a ninfoplastia. As mulheres geralmente preferem que pouco ou nenhum dos pequenos lábios sejam visíveis quando estão de pé. As pacientes também tendem a optar por lábios menores não mais longos do que os lábios maiores.

 

Como é feita a ninfoplastia?

O procedimento cirúrgico, também chamado de labioplastia, normalmente é realizado em ambiente hospitalar, com raquianestesia ou anestesia local e sedação, a depender de cada caso. O procedimento costuma durar de 30 a 75 minutos, de acordo com a correção necessária.

 

A recuperação é relativamente simples e rápida, com retorno às atividades de rotina em aproximadamente de 10 a 15 dias. Apenas a relação sexual que precisará aguardar um pouco mais para ocorrer, sendo liberada de 30 a 40 dias após a ninfoplastia.

 

Como em qualquer cirurgia, a ninfoplastia pode ser associada a riscos. No entanto, tratam-se de riscos menores de sangramento e infecção pós-operatória.

 

Em geral, a sensação na genitália não é alterada após a cirurgia. Ao retomar a atividade sexual, certas mulheres podem sentir sensibilidade temporária durante a penetração.

 

Sobre Dr. Rodrigo Ferrarese

O especialista é formado pela Universidade São Francisco, em Bragança Paulista. Fez residência médica em São Paulo, em ginecologia e obstetrícia no Hospital do Servidor Público Estadual. Atua em cirurgias ginecológicas, cirurgias vaginais, uroginecologia, videocirurgias, cistos, endometriose, histeroscopias, pólipos, miomas, doenças do trato genital inferior (HPV), estética genital (laser, radiofrequência, peeling, ninfoplastia), uroginecologia (bexiga caída, prolapso genital, incontinência urinaria) e hormonal (implantes hormonais, chip de beleza, menstruação, pílulas, DIU...).

Imagens de notícias

Tags:

Compartilhar

Vídeos relacionados

Comentários